Artigos

Imprimir
PDF

Perda Auditiva Induzida por Ruído

Escrito por Rachel Rocha Cintra on 26 Abril 2011. Posted in Saúde

- Perda Auditiva Induzida por Ruído

Perda Auditiva Neurossensorial por Exposição Continuada a Níveis Elevados de Pressão Sonora de Origem Ocupacional

Rachel Rocha Cintra – Fonoaudióloga Clínica e Ocupacional

CARACTERIZAÇÃO:

A PAIR se caracteriza pela perda gradual e progressiva da acuidade auditiva e a sua forma de apresentação é determinada por estes aspectos:

  1. Ser sempre neurossensorial, pois afeta a cóclea do indivíduo. Isso significa que a PAIR é um tipo de perda auditiva irreversível;
  2. Ser, geralmente, bilateral;
  3. Não haverá progressão da PAIR, caso seja cessada a exposição do indivíduo ao ruído;
  4. A presença de PAIR não torna o indivíduo mais sensível à exposição ao ruído. Ao contrário, à medida que aumenta o grau da perda de audição, a progressão da perda se dá mais lentamente;
  5. Possui características típicas a nível de suas configurações audiométricas;
  6. O indivíduo portador de PAIR pode desenvolver intolerância a sons intensos, queixar-se de zumbidos e de diminuição da inteligibilidade de fala.

INCIDÊNCIA

A PAIR ocupa o segundo lugar entre as doenças mais freqüente do aparelho auditivo, sendo superada apenas pela presbiacusia ( degeneração auditiva pela idade). Também ocupa o segundo lugar entre as doenças ocupacionais, sendo suplantada apenas pelas dermatoses ocupacionais.